Bolsonaro sinaliza para sanção ao Fundo Eleitoral de R$ 2 bilhões

O Fundo Eleitoral de R$ 2 bilhões já aprovado no Congresso nacional, pode ser sancionado pelo Presidente Jair Bolsonaro. Segundo ele, os papeis ainda não chegaram ao Palácio do Planalto, mas a sinalização é de uma possível sanção

Resultado de imagem para bolsonaro
O Fundo Eleitoral foi aprovado em setembro de 2019 pelo Congresso Nacional. O texto prevê, entre outros pontos, exceções ao limite de gastos de campanhas, detalha como os recursos podem ser utilizados e critérios para análise de inelegibilidade. Desde a época, foi encaminhado para a sanção presidencial.

Em seguida, o Presidente Jair Bolsonaro chegou a dizer que pretendia vetar a medida, alegando que o fundo eleitoral provoca desigualdade entre os partidos e atrapalha nas corridas eleitorais. Bolsonaro ainda disse que consultaria a Advocacia Geral da União sobre possíveis consequências do veto e, por isso, sinaliza que pode sancionar, mesmo reconhecendo que isso pode desagradar a opinião pública.
Compartilhar

About Colibri Comunicação

0 comentários:

Postar um comentário